Nós temos um sonho...

Muita gente pergunta aonde o DevDojo quer chegar, o motivo dos nossos vídeos serem grátis e se vamos cobrar um dia. Bom, deixa eu explicar qual é o nosso sonho. Toda empresa tem aquele negócio de visão, missão e valores. No DevDojo nós somos meio diferente sabe? resolvemos juntar tudo e chamar de sonho. Nosso sonho é simples, é tornar o DevDojo equivalente a um curso de graduação em TI, com cursos gratuitos, de extrema qualidade e acessível a qualquer pessoa com internet. Um curso de graduação é e sempre vai ser importante. Não falamos que queremos substituir um curso de graduação, queremos ser o equivalente. Nosso foco são pessoas que não tem condições de pagar uma boa faculdade ou cursinho para entrar nas federais e precisam de uma força pra sair do zero. O processo todo pode ser dividido em três passos
play_arrow

Começa assistindo os cursos

Do mesmo jeito que você faz hoje, aperta o play no início da playlist, vai assistindo as aulas e tirando as dúvidas nos comentários com o professor e outros alunos

assignment

Prática, prática, prática

Depois de assistir os cursos você vai praticar, criar seus próprios projetos, resolver listas de execícios, ajudar outras pessoas a entender um problema (essa é a melhor prática que existe) etc.

work

Mercado de trabalho

O último passo é conseguir um emprego. Veja bem, se você já tem o conhecimento das tecnologias, experiência resolvendo problemas e ajudando outras pessoas, arrumar emprego está a um mero passo.

Por que o DevDojo não tem mais cursos?

Lembra da famosa frase do coringa: "Se você é bom em algo, nunca faça de graça", na verdade o William adaptou ela pro DevDojo: "Se você não gosta de algo, não faça de graça". E essa é a realidade, ninguém faz algo que não gosta de graça. Quer um exemplo? ninguém no DevDojo gosta de trabalhar com CSS, SASS, LESS etc. A gente sabe? sabe, gostamos? não. Vocês vão gravar um curso de algo que não gostam? não. É simples assim. Fazemos hoje porque recebemos um salário pra isso. Todos os cursos que você vê por aqui, foram gravados porque a pessoa que gravou gosta da tecnologia, porém gravar não é fácil, olha mais ou menos o que se precisa fazer:
gesture

1. Tempo e vontade

Gravar é foda, na moral, é foda. Você precisa de duas coisas pra pelo menos começar, tempo e vontade. Vai por mim, quando você não é pago para fazer algo, a tendência são esses dois diminuirem cada vez mais até o ponto de você não fazer mais

build

2. Produtividade

Você já tentou gravar um vídeo na vida, sabendo que vai colocar sua cara a tapa na internet? Você tem que pensar em cada palavra, pensar nas possíveis perguntas e tentar respondê-las antes, pensar que diferentes tipos de pessoas vão ver, umas vão entender de primeira, outras vão ter que ver umas 3x e ainda falar que sua aula é uma M... Você grava, assiste, deleta, grava, assiste, deleta...

mode_edit

3. Edição

Depois de todo o esforço e tempo só pra planejar e gravar, os vídeos precisam passar por edição, ajuste de áudio, cor etc. Se alguém grava 200 vídeos, tem alguém que vai ter que editar 200 vídeos.

help

4. Ajuda

Com a edição finalizada o vídeo vai pra internet, aí vem a outra parte, ajuda para os estudantes. Se você não fizer uma boa aula, as pessoas vão ficar perguntando nos comentários. Se você não responde fica uma sensação de abandono. As vezes alguém faz uma pergunta de um vídeo que você gravou dois anos atrás e nem lembra o conteúdo, lá vai você ver o vídeo pra entender a dúvida, se é um vídeo de 20 minutos, você vai precisar gastar 20 minutos.

clear

5. Desistência

Ainda existe a possibilidade de algumas pessoas pararem de gravar no meio do curso. Já conteceu aqui com a gente com o curso de lógica e de Machine Learning. Quando você não paga, você não pode cobrar e algo que não te traz retono financeiro sempre vai ter a menor prioridade na sua vida. Então se alguma coisa mais importante aparece, com certeza você vai usar o tempo que você tinha para gravação para essa nova coisa.

done_all

6. Então por que gravar?

Gratidão. Gratidão é um dos sentimentos mais fortes que existe, e é viciante. Quando você começa a ser grato pelas coisas que você tem, mais você vai ter e mais vai ajudar outros a terem. Ajudar pessoas a conseguir um emprego, passar em uma matéria da faculdade, mudar de carreira, aprender uma nova tecnologia, ajudar a evitar um problema com uma dica etc. Não tem nada mais gratificante que ver alguém se dando bem com sua ajuda.

O que o DevDojo pretende fazer?

Ainda bem que você perguntou (se não perguntou, nós perguntamos por você). Já ouviu falar de financiamento coletivo? Tipo KickStarter, IndieGoGo, CrowdFunder etc. Nesses sites, várias pessoas podem fazer doações para um determinado projeto virar realidade e foi aí que nós tivemos uma ideia. "E se todo mundo ajudasse a criarmos cursos para disponibilizarmos de graça?" Algumas pessoas tem mais condições que outras, se todo mundo ajudar um pouco, nós podemos contratar professores especialistas nos assuntos que não gostamos (com contrato registrado em cartório) para ele gravar um curso com a qualidade do DevDojo e disponibilizaríamos gratuitamente, como todos os cursos que já temos. Você consegue enxergar aonde isso pode ir? Com todo mundo ajudando, em um futuro próximo vamos ter cursos suficientes para as pessoas ingressarem no mercado, até mesmo internacional, com confiança. Tudo de forma gratuita. Independente de você ajudar ou não, vai poder assistir, do mesmo jeito que é hoje. E não se preocupe, pois tudo vai continuar sendo de graça ;)

Como posso ajudar o DevDojo

Financiamento coletivo não se encaixou perfeitamente no nosso negócio, então resolvemos através de outro caminho Financiamento Contínuo. É a mesma ideia do financimento coletivo, porém ao invés de dar uma única vez uma certa quantia Você faz uma assinatura, de qualquer valor, e podendo ser cancelada a qualquer momento, que será cobrada uma vez por mês. Para ajudar o DevDojo você pode ir no site do Apoia.se/devdojo e escolher quanto quer ajudar mensalmente. Existem várias formas de pagamento, você pode escolher pagar via boleto, cartão de crédito etc. Então uma vez por mês o valor será debitado e enviado para nós. Pode parecer besteira, mas imagina se cada um dos nossos inscritos (5800 até o momento) participasse com 1 real por mês. Daria para contratar pelo menos um professor por mês. (Espero que você não esteja pensando "nossa, R$ 5800 e só vai dar pra contratar um professor?!", Se não valorizarmos nossa profissão, de que adianta todo esse esforço? e outra, e se resolvermos contratar você?).